EDUCAÇÃO AMBIENTAL LIBERTADORA: CIDADANIA AMBIENTAL DE MÃOS DADAS COM PAULO FREIRE

Luciana Cardoso de Aguiar, Vanilde Baggio Moraes

Resumo


O papel desempenhado pelo cidadão precisa ser redefinido, a fim de se fazer frente às diversas exigências da atualidade, especialmente no que se refere ao meio ambiente. O modelo clássico de cidadania, como exercício de direitos dentro do Estado, há muito se encontra superado, tendo em vista que a sustentabilidade deve estar atrelada à planetaridade, à visão de todo. Nesse contexto, surge o conceito de cidadão do mundo, de cidadania planetária, sendo o alcance desse redimensionamento ligado necessariamente à educação, como alicerce fundamental para consciência e tomada de postura do homem como sujeito ativo transformador, a partir da aplicação de uma educação ambiental fundada na teoria da libertação de Paulo Freire, pela qual o educador contribui para a transformação do homem e também da realidade.

Palavras-chave


Educação ambiental. Sustentabilidade. Cidadania.

Texto completo:

PDF

Referências


ALBUQUERQUE, Cristina; BALDIN, Nelma. Justiça social e justiça ambiental: pilares de uma educação global para a cidadania e para a sustentabilidade. In: Congresso internacional territórios, comunidades educadoras e desenvolvimentos sustentável. Coimbra, Portugal: Editora da Universidade de Coimbra, 2014. v.1.

______ . Novo paradigma do conhecimento para a sustentabilidade. In: BALDIN, Nelma; ALBUQUERQUE, Cristina (Coord.). Novos desafios da educação: responsabilidade social, democracia e sustentabilidade. Brasília: Liber Livro, 2012.

BRASIL. Constituição. Constituição da República Federativa do Brasil. Brasília, DF: Senado, 1988.

BREDARIOL, Celso; VIEIRA, Liszt. Cidadania e política ambiental. 2. ed. Rio de Janeiro: Record, 2006.

CASTRO, Ronaldo Souza de; BAETA, Anna Maria. Autonomia intelectual: condição necessária para o exercício da cidadania. In: LOUREIRO, Carlos Frederico Bernardo; LAYRARGUES, Philippe Pomier; CASTRO, Ronaldo Souza de. (Org.). Educação ambiental: repensando os espaços da cidadania. 2. ed. São Paulo: Cortez, 2002.

FREIRE, Paulo. Pedagogia da autonomia: saberes necessários à prática educativa. 53. ed. Rio de Janeiro: Paz e Terra, 2016.

______ . Pedagogia do oprimido. 59. ed. Rio de Janeiro: Paz e Terra, 2015a.

______ . Política e educação. Organização de Ana Maria de Araújo Freire. 2. ed. São Paulo: Paz e Terra, 2015b.

______ . Conscientização: teoria e prática da libertação: uma introdução ao pensamento de Paulo Freire. Tradução de Kátia de Mello e Silva. Revisão técnica de Benedito Eliseu Leite Cintra. São Paulo: Cortez & Moraes, 1979.

FREITAS, Juarez. Sustentabilidade: direito ao futuro. 2. ed. Belo Horizonte: Fórum, 2012.

GADOTTI, Moacir. Pedagogia da Terra e Cultura de Sustentabilidade. Revista Lusófona de Educação, [S.l.], v. 6, n. 6, oct. 2009. ISSN 1646-401X. Disponível em: http://revistas.ulusofona.pt/index.php/rleducacao/article/view/842. Acesso em: 29 jun. 2017.

GADOTTI, Moacir. Boniteza de um sonho: ensinar-e-aprender com sentido. Curitiba: Positivo, 2005.

HÄBERLE, Peter. A dignidade humana como fundamento da comunidade estatal. In: SARLET, Ingo Wolfgang (org.). Dimensões da dignidade: ensaios de filosofia do direito constitucional. Trad. Ingo Wolfgang Sarlet et al. Porto Alegre: Livraria do Advogado, 2005. 102 p.

HESSE, Konrad. A força normativa da Constituição. Porto Alegre: Sergio Antonio Fabris Editor, 1991.

LEFF, Enrique. Saber ambiental: sustentabilidade, racionalidade, complexidade, poder. Tradução de Lúcia Mathilde Endlich Orth. Petrópolis, Rio de Janeiro: Vozes, 2001.

______ . Discursos sustentáveis. Tradução de Silvana Cobucci Leite. São Paulo: Cortez, 2010.

LOUREIRO, Carlos Frederico Bernardo; LAYRARGUES, Philippe Pomier; CASTRO, Ronaldo Souza de (Org.). Sociedade e meio ambiente: a educação ambiental em debate. 6. ed. São Paulo: Cortez, 2010.

MORIN, Edgar. A cabeça bem feita: repensar a reforma, reformar o pensamento. Rio de Janeiro: Bertrand Brasil, 2000.

SARLET, Ingo Wolfgang. A eficácia dos direitos fundamentais. 4. ed. Porto Alegre: Livraria do Advogado, 2004.

SORRENTINO, Marcos. Desenvolvimento sustentável e participação: algumas reflexões em voz alta. In: LOUREIRO, Carlos Frederico Bernardo; LAYRARGUES, Philippe Pomier; CASTRO, Ronaldo Souza de (Org.). Educação ambiental: repensando os espaços da cidadania. 2. ed. São Paulo: Cortez, 2002.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2017 Revista do CEJUR/TJSC: Prestação Jurisdicional

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - Não comercial - Sem derivações 4.0 Internacional.

Revista do CEJUR/TJSC: Prestação Jurisdicional. ISSN: 2319-0884
Tribunal de Justiça de Santa Catarina. CEJUR - Academia Judicial
Rua Almirante Lamego, 1386 - Centro - CEP 88015-601 - Florianópolis - SC